top of page

Vômitos em cães e gatos depois da cirurgia

Atualizado: 12 de abr.

O vômito no pós-operatório em cães e gatos é uma preocupação comum tanto para os tutores quanto para os médicos veterinários.


É importante compreender as causas potenciais desse sintoma e tomar medidas adequadas para preveni-lo e tratá-lo, garantindo assim uma recuperação segura e confortável para o animal após a cirurgia.

Uma das causas mais comuns de vômito pós-operatório em cães e gatos é o efeito da anestesia e dos medicamentos administrados durante o procedimento cirúrgico. Muitos animais podem apresentar sensibilidade gastrointestinal à anestesia, especialmente se forem administrados opiáceos ou outros agentes que afetam o trato gastrointestinal.


O vômito também pode ser uma reação adversa a medicamentos, como analgésicos ou antibióticos, administrados no pós-operatório para controlar a dor e prevenir infecções.


Além disso, o estresse associado à cirurgia e ao ambiente hospitalar pode contribuir para o desenvolvimento de vômitos pós-operatórios em cães e gatos.


O estresse pode desencadear alterações no sistema gastrointestinal, aumentando a motilidade do trato digestivo e causando irritação gástrica. Isso pode levar ao vômito como uma resposta fisiológica ao estresse percebido pelo animal durante o período de recuperação.


Outra causa potencial de vômito pós-operatório em cães e gatos é a retenção de líquidos e gases no estômago durante o procedimento cirúrgico.


A intubação endotraqueal, comum em muitas cirurgias, pode interferir na função normal da glote e do esfíncter esofágico, permitindo a entrada de ar no estômago durante a ventilação artificial. Isso pode levar à distensão gástrica e ao vômito quando o animal recupera a consciência após a cirurgia.


Antes de continuarmos, convido você a conhecer meu curso on-line "A Jornada da Recuperação: Dicas para Tutores de Cães e Gatos do Pré ao Pós-operatório", um guia completo para ajudar você a passar com tranquilidade pelo pré e pós-operatório da cirurgia do seu pet. Clique na imagem abaixo para adquirir o produto.



Voltando ao nosso tópico, além desses fatores, complicações cirúrgicas também podem causar vômito pós-operatório em cães e gatos. Essas complicações são menos comuns, mas podem ocorrer em casos de procedimentos cirúrgicos complexos ou em animais com condições médicas subjacentes que aumentam o risco de complicações.


Para prevenir o vômito pós-operatório em cães e gatos, é importante realizar uma avaliação pré-operatória abrangente para identificar quaisquer fatores de risco subjacentes, como sensibilidade a medicamentos ou histórico de vômitos durante procedimentos anteriores.


Após a cirurgia, é importante monitorar de perto o animal quanto a sinais de vômito, especialmente nas primeiras horas após a recuperação da anestesia.


Se o vômito ocorrer, é fundamental relatar imediatamente ao médico veterinário responsável pelo caso.


O veterinário poderá realizar uma avaliação completa para determinar a causa subjacente do vômito e recomendar o tratamento adequado, que pode incluir medicação antiemética, hidratação intravenosa e monitoramento adicional.


Em resumo, o vômito pós-operatório em cães e gatos é uma preocupação comum após procedimentos cirúrgicos e pode ter várias causas potenciais, incluindo efeitos da anestesia, estresse, distensão gástrica e complicações cirúrgicas.


É importante tomar medidas preventivas durante o procedimento cirúrgico e monitorar de perto o animal durante o período de recuperação para identificar e tratar precocemente qualquer episódio de vômito.


Com cuidados adequados e acompanhamento veterinário, a maioria dos animais se recupera completamente e não apresenta complicações significativas após a cirurgia.


Sobre o autor  

Felipe Garofallo é médico-veterinário (CRMV/SP 39.972), especializado em ortopedia e neurocirurgia de cães e gatos e proprietário da empresa Ortho for Pets: Ortopedia Veterinária e Especialidades. Agende uma consulta pelo whatsapp (11)91258-5102.

124 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Que tal receber grátis mais artigos incríveis como esse?

Obrigado(a)!

bottom of page