Image by Vincent van Zalinge

Cirurgias ortopédicas para cães e gatos

Listadas abaixo estão páginas detalhadas que descrevem as doenças ortopédicas mais comuns que tratamos e os principais procedimentos cirúrgicos que oferecemos para clínicas e hospitais veterinários em São Paulo, ou em nosso centro cirúrgico parceiro na Rua Sena Madureira, 744 para tutores de cães e gatos. 

Entre em contato conosco pelo whatsapp (11)91152-4321 para mais informações.

1. Cirurgias do membro torácico de cães e gatos:

  • Amputação. 

  • Artrodese de cotovelo.

  • Artrodese de punho para hiperextensão de carpo.

  • Artrodese para cães com instabilidade de ombro.

  • Cirurgia de salvamento de membro com exoendoprótese 3D.

  • Correção de desvio angular com fixador externo Ilizarov.

  • Correção de desvio angular com placa bloqueada e parafusos.

  • Liberação do tendão do músculo bíceps.

  • Osteossíntese unilateral com pinos intramedulares em metacarpos.

  • Osteossíntese bilateral com pinos intramedulares em metacarpos.

  • Osteossíntese bilateral com placa bloqueada e parafusos.

  • Osteossíntese com banda de tensão.

  • Osteossíntese com fixador externo híbrido.

  • Osteossíntese com fixador externo Ilizarov.

  • Osteossíntese com fixador externo linear.

  • Osteossíntese com placa bloqueada e parafusos.

  • Remoção de fragmento do processo coronóide medial da ulna.

  • Remoção de fragmento ou fixação com parafuso em casos de não união do processo ancôneo. 

  • Remoção do flap de cartilagem em casos de osteocondrite dissecante do ombro. 

2. Cirurgias do membro pélvico de cães e gatos:

  • Amputação.

  • Ostectomia de cabeça e colo femoral.

  • Osteossíntese bilateral com pinos intramedulares em metatarsos.

  • Osteossíntese com banda de tensão.

  • Osteossíntese com fixador externo.

  • Osteossíntese com placa bloqueada e parafusos.

  • Osteossíntese unilateral com pinos intramedulares em metatarsos.

  • Osteossíntese bilateral com pinos intramedulares em metatarsos.

  • Reparo de ruptura do tendão calcâneo.
     

2.1. Ruptura do ligamento cruzado cranial:

  • Reparo extra-capsular.

  • TPLO.

  • Trocleoplastia + imbricação do retináculo + reparo extra-capsular.

  • Trocleoplastia + imbricação do retináculo + TTT + reparo extra-capsular.

2.2. Luxação de patela:

  • PGR + TTT + osteotomia corretiva de fêmur com placa bloqueada e parafusos.

  • Substituição do sulco patelar (PGR).

  • Trocleoplastia + imbricação do retináculo + TTT + osteotomia corretiva de desvio angular com placa bloqueada. 

  • Trocleoplastia + imbricação do retináculo

  • Trocleoplastia + imbricação do retináculo + TTT

3. Cirurgias de quadril:

  • Correção de disjunção sacroilíaca bilateral.

  • Correção de disjunção sacroilíaca unilateral.

  • Denervação acetabular.

  • Osteossíntese com placa bloqueada e parafusos + disjunção sacroilíaca bilateral.

  • Osteossíntese com placa bloqueada e parafusos + disjunção sacroilíaca unilateral.

  • Osteossíntese com placa bloqueada e parafusos ou parafusos e cimento ósseo.

  • Osteotomia pélvica dupla.

  • Osteotomia pélvica tripla.

  • Sinfisiodese púbica juvenil.

4. Cirurgias de coluna:

  • Corpectomia.

  • Estabilização atlanto-axial.

  • Estabilização de fraturas e luxações com parafuso e cimento ósseo.

  • Estabilização lombossacra.

  • Hemilaminectomia.

  • Laminectomia.

  • Pediculectomia.

  • Slot ventral.

5. Mandíbula:

  • Correção de disjunção mentoniana com fio de aço.

  • Hemimandibulectomia.

  • Mandibulectomia.

  • Osteossíntese de mandíbula com fio de aço.

  • Osteossíntese de mandíbula com placa bloqueada.