Buscar

Tremores em cães

Atualizado: 1 de dez. de 2021

Tremer constantemente é uma queixa constante dos pacientes ortopédicos.

Os tremores podem envolver apenas algumas regiões ou o corpo todo do cão e existem vários motivos que podem levar aos tremores.


Entre esses motivos, existem três que são considerados normais: o frio, medo ou sono (sonhar enquanto dorme).


No caso da maioria dos pacientes ortopédicos, os cães mais velhos ou com atrofia muscular tendem a sofrer fadiga muscular quando os músculos são sobrecarregados.


Quando o músculo fica cansado, o tremor ajuda a liberar o glicogênio e glicose nele armazenados para permitir a contração contínua. Nesses casos, o tremor cessa quando o músculo relaxa e o paciente descansa.


Calafrios leves raramente são um sintoma significativo. São os tremores e contrações involuntários e mais violentos que podem indicar alguma doença neuromuscular.


Traumas, tumores ou infecção


Caso ocorram tremores em apenas alguma parte do corpo, doenças neuromusculares devem ser pesquisadas.


Algumas doenças que envolvem o cerebelo levam à tremores quando o paciente dirige sua atenção para uma tarefa, é o chamado tremor de intenção.


Nesses casos, o paciente pode permanecer quieto sem apresentar tremores, mas ao tentar realizar alguma tarefa começa a tremer.


As doenças mais comuns em cães e gatos que apresentam tremores de intenção são a hipoplasia cerebelar ou a cinomose canina. Traumas, tumores e outras infecções comuns também devem ser considerados.


Hipocalcemia, hipoglicemia e toxinas


O baixo nível de cálcio no sangue (hipocalcemia) também pode ser uma causa de tremores, especialmente em filhotes durante o período de amamentação.


O baixo nível de açúcar no sangue (hipoglicemia), e vários a ingestão ou contato com vários tipos toxinas (inseticidas, caracóis, sapos) devem ser considerados em animais com tremores constantes e involuntários.


Essas toxinas podem causar espasmos e tremores musculares involuntários, por isso é importante procurar o veterinário e informá-lo sobre os produtos disponíveis em sua casa ou contato recente com outros animais.


Os tremores são também uma característica toxicidade por chocolate, drogas, e pesticidas.


Caso suspeite de alguma dessas possibilidades, leve o cão ao veterinário imediatamente.


Convulsões


As convulsões também podem se assemelhar os tremores, principalmente quando focais.


Confira nosso artigo completo sobre convulsões em cães clicando aqui.


Em caso de dúvidas, leve seu animal ao médico veterinário.


Referências bibliográficas


1. Lowrie, Mark & Garosi, Laurent. (2016). Classification of involuntary movements in dogs: Tremors and twitches. The Veterinary Journal. 214. 10.1016/j.tvjl.2016.05.011.


2. Zsuzsanna, Lipka. (2012). Shaking-syndrome, or why does the dog shake. Case report. Magyar Allatorvosok Lapja. 134. 339-344.


Sobre o autor


Felipe Garofallo é médico veterinário (CRMV/SP 39.972) e atua na área de ortopedia e cirurgia de cães e gatos em São Paulo e cidades da região. Realiza consultas em domicílio para tutores e serviço terceirizado para clínicas e hospitais veterinários. Você pode agendar uma consulta pelo whatsapp (11)91152-4321.


92 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo