top of page

Feridas por armas de fogo em cães

Atualizado: 23 de jan.

As feridas por arma de fogo em cães são lesões graves e potencialmente fatais que podem acontecer com animais de todas as raças e idades.


Essas lesões são causadas por projéteis de arma de fogo, como balas ou fragmentos de metal, que penetram no corpo do animal, causando danos a órgãos, tecidos e ossos.


As causas mais comuns de feridas por arma de fogo em cães são acidentes com armas de fogo, como quando um animal é atingido por uma bala perdida, e atos de violência, como o uso de armas em situações de abuso animal ou violência doméstica. Cães que vivem em áreas rurais ou em áreas onde a caça é comum também podem estar em risco de feridas por arma de fogo.


O diagnóstico de feridas por arma de fogo em cães geralmente envolve um exame físico completo para avaliar a extensão dos danos e identificar quaisquer lesões internas.


Os médicos veterinários podem realizar exames de imagem, como radiografias ou tomografia computadorizada, para avaliar a localização e extensão do projétil e identificar quaisquer fraturas ósseas ou lesões nos órgãos internos.


O tratamento de feridas por arma de fogo em cães depende da extensão dos danos e pode incluir cirurgia para remover o projétil, reparar tecidos danificados ou tratar fraturas ósseas.


Os médicos veterinários podem prescrever medicamentos para aliviar a dor, controlar a inflamação ou prevenir infecções.


Em casos mais graves, pode ser necessário internação para fornecer suporte médico e monitoramento constante do animal.


Além disso, os cuidados pós-operatórios são fundamentais para garantir uma recuperação adequada do animal, incluindo repouso, medicamentos e acompanhamento veterinário regular para avaliar a recuperação do animal e prevenir complicações.


Referências bibliográficas


Adin, C. A., Brisson, B. A., & Drobatz, K. J. (2003). Gunshot wounds in dogs: 54 cases (1995-2001). Journal of the American Veterinary Medical Association, 222(6), 744-748.


Hunt, G. B., & Johnson, K. A. (2004). Gunshot injuries in dogs: 115 cases (1991-2002). Journal of Veterinary Emergency and Critical Care, 14(3), 157-167.


Lanz, O. I., Feuerbacher, E., & Pascoe, P. J. (2014). Trauma and gunshot wounds in dogs and cats. Veterinary Clinics: Small Animal Practice, 44(6), 1141-1155.


Sobre o autor

Felipe Garofallo é médico-veterinário (CRMV/SP 39.972), especializado em ortopedia e neurocirurgia de cães e gatos e proprietário da empresa Ortho for Pets: Ortopedia Veterinária e Especialidades. Agende uma consulta pelo whatsapp (11)91258-5102.

328 visualizações0 comentário

Comments


Que tal receber grátis mais artigos incríveis como esse?

Obrigado(a)!

bottom of page