Não União do Processo Ancôneo em Cães (NUPA)

OUTROS NOMES: DISPLASIA DE COTOVELO EM CÃES


A articulação do cotovelo é composta por três ossos distintos: o rádio, a ulna e o úmero.

Uma doença conhecida como displasia do cotovelo é uma anormalidade do desenvolvimento que ocorre na articulação do cotovelo dos cães, principalmente em raças de médio a grande porte.


Existem três problemas de desenvolvimento que podem ser chamados de displasia do cotovelo, um processo coronoide fragmentado (FPC), um processo ancôneo não unido (NUPA) e osteocondrite dissecante (OCD).


Cães com displasia de cotovelo geralmente apresentam apenas uma das três condições, e é raro que um único cão tenha todos os três componentes da displasia de cotovelo.


O que é a não união do processo ancôneo (NUPA)?


O processo ancôneo é uma pequena processo do osso na ulna, o mais longo dos dois ossos do antebraço. O processo ancôneo faz parte da superfície posterior da articulação do cotovelo. Existe uma placa de crescimento entre o processo ancôneo e o resto da ulna.


As placas de crescimento são encontradas nas extremidades dos ossos em animais em crescimento e são os locais de crescimento ósseo durante o desenvolvimento.


Quando o cão atinge a puberdade, as placas de crescimento se fecham, fundindo as partes do osso. A placa de crescimento entre o processo ancôneo e a ulna normalmente se funde por volta dos 5 meses de idade.


Se o processo ancôneo não se fundir ao resto da ulna corretamente, ele causa uma condição chamada não união do processo ancôneo.


Qual é a causa da doença?


Essa doença é hereditária em certas raças, principalmente raças grandes.


Em animais afetados, parece haver uma anormalidade na placa de crescimento e o processo ancôneo não consegue se fundir ou se unir à parte principal da ulna.


Os pastores alemães parecem ser mais afetados pelo problema, embora ele ocorra em outras raças, e os machos são mais afetados.


Outros fatores que se acredita estarem associados a NUPA são nutrição (por exemplo, excesso de cálcio), influências hormonais, excesso de peso e trauma.


Quais os sinais clínicos (sintomas) da NUPA?


Quando essa parte da ulna não se funde, a articulação do cotovelo torna-se instável, causando claudicação e dor.


A instabilidade causa inflamação e, eventualmente, a inflamação e a instabilidade levarão ao desenvolvimento de doença articular degenerativa ou artrite. Em alguns casos, o fragmento ósseo flutua livremente na articulação, causando ainda mais desconforto.


Os cães com esta doença mancam no membro torácico (anterior) e podem apresentar dor quando o cotovelo é estendido. Frequentemente, a articulação do cotovelo afetada apresenta uma diminuição da amplitude de movimento.


Como diagnosticar a NUPA?


Os resultados de um exame físico são freqüentemente sugestivos desse problema. No entanto, outras condições podem causar displasia do cotovelo, incluindo processo coronoide fragmentado (FPC) e osteocondrite dissecante (OCD).


Em alguns casos, a NUPA pode ser diagnosticada por meio de radiografias do cotovelo, em três a quatro projeções radiográficas. No entanto, a tomografia computadorizada poderá ser a melhor opção para o diagnóstico e ambas as opções vão exigir que o exame seja feito em anestesia geral.


Como a não união do processo ancôneo é tratada?


O tratamento é cirúrgico, no qual é realizada a remoção do processo ancôneo da articulação. Uma abordagem mais recente à cirurgia é usar parafusos para reconectar o processo ancôneo a ulna.


Os resultados da cirurgia são muito melhores se a cirurgia for feita antes que a artrite secundária afete a articulação.


Qual é o prognóstico com e sem a cirurgia?


Se a doença não for tratada cirurgicamente, a claudicação (mancar) progredirá rapidamente e o cão poderá continuar com dores em longo prazo.


Caso a cirurgia demore para ocorrer ou se a condição for grave, as bordas do fragmento podem não se encaixar bem por causa da erosão do osso e da cartilagem, portanto, o processo ancôneo pode não ser facilmente fixado no lugar pela técnica de reposição.


Como a condição é causada por um defeito de desenvolvimento, também é possível que a cicatrização seja lenta.


Em todos os casos, algum grau de artrite se desenvolverá na articulação do cotovelo, mas com o tratamento cirúrgico, a artrite será geralmente menos severa e haverá menos dor envolvida.


O tratamento medicamentoso, com suplementos protetores das articulações e / ou medicamentos antiinflamatórios, pode ser recomendado para retardar a